domingo, 26 de agosto de 2012

Arte de bordar Temari, uma arte Japonesa


Temari











Temari são bolas bordadas de origem chinesa, mas que faz mais sucesso no Japão. É um artesanato de mais de mil anos!
As primeiras faziam parte da vida da elite, eram bolas feitas com tiras de quimonos de sedas velhos, reaproveitadas e ricamente decoradas.
Quando depois, caiu no gosto popular, e as mães faziam de presentes para dar aos seus filhos.
Se tornou um presente, para expressar o amor e dedicação à alguém.
Hoje em dia mudou-se o material usado, mas continua a serem bordadas com extremo requinte de desenhos.
Começa-se com o núcleo, que antes era feito com casca de arroz, mas hoje se usa sacos ou sacolas plásticas enroladas, podendo  por um chocalho, no centro.
Achei legal por escritos desejando boa sorte à quem vai ganhar de presente.
Depois são feitas várias camadas de fios, variando de espessura, mais grosso ao centro e mais fino na superfície, para que o bordado seja mais fácil de ser distribuídos. Também vai depender o tamanho da bola desejado.
Feito isso, começa o bordado propriamente dito, distribuindo o padrão de forma precisa dependo do desenho.
Como o Origami e outras artes japonesas, são verdadeiras obras de arte de precisão matemática, mas pode-se enfeitar do jeito que quiser usando miçangas, flores, fitas, etc...
Usando a base do Temari criatividade dá-se para criar novos padrões, e também perfumar as bolas depois de prontas.
Quem quiser aprender mais, têm muitos sites que ensinam, mas nenhum em português.
É uma boa forma de reaproveitar as sacolinhas, usando-as no centro das bolas, e restos de fios e tecidos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário